O que você quer encontrar?

Jardins sensoriais: O encontro da paz e o verde
28 de outubro de 2021Decoração

Jardins sensoriais: O encontro da paz e o verde

compartilhe este post

Você já ouviu falar em jardins sensoriais? Eles nasceram da necessidade de compartilhar a experiência de contato com a natureza com todas as pessoas.

Dessa forma, a variedade na flora permite que seja trabalhado todos os sentidos humanos, levando a vivência de estar em um jardim além do visual. Logo, passa-se a brincar com as sombras, texturas, tamanhos e sons, tornando os jardins mais inclusivos e diversos.

Hoje já sabemos que estar em contato com a natureza pode beneficiar a nossa saúde e nos trazer mais tranquilidade e equilíbrio. Inclusive, pesquisas mostram os benefícios de se ter plantas em quartos de hospital ou até no local de trabalho. Além de acalmar, as nossas aliadas verdes podem ajudar na diminuição do estresse, ansiedade, melhoria da memória e na concentração.

E para você que quer experimentar os sentidos e sentimentos que um jardim sensorial pode te proporcionar, devemos começar pelos sentidos:

Olfato

Cebolinha, coentro, alecrim e hortelã são excelentes ingredientes para as suas receitas, aromatizando os alimentos, além de deixar o ambiente sempre perfumado! Além disso, opções de ervas para chás e flores perfumadas também podem levar esse cheirinho especial para sua casa. Alguns exemplos são: Camomila, Erva-doce ou as flores gardênia, jasmim e orquídea.

Tato

Para proporcionar novos toques as suculentas são ideais: espécies de cactos ou plantas com a folhagem aveludada. Com elas, você poderá conhecer outras texturas e sensações. Alguns exemplos são: Veludo-roxo, Corações emaranhados, Tuia-holandesa, Tuia-limão, entre outras.

Visão

Para explorar a visão o recomendando é variar as espécies, com tamanhos, folhagens e formatos diferentes. Também opte por cores fortes e diferentes das que você já tem. Alguns exemplos: Cavalinha, Hibiscus, Flor-de-Cera, Camélia, entre outras.

Paladar

Para surpreender o paladar, podemos utilizar as ervas para temperos e para chás, mas também podemos adotar alguma planta frutífera como tomatinhos, morangos, laranjinha kinkan, pitanga e jabuticabas.

Audição

Toda a experiência de ter e cuidar de plantas irá provocar sons, no momento da rega ou quando o vento bate nas folhas. Ou seja, para levar aos jardins sensoriais mais elementos, você pode contar com mini cascatas ou fontes que proporcionaram sons terapêuticos para o ambiente.

Nós da RKM, entendemos que cuidar é a nossa principal missão, e por isso todos os elementos de um empreendimento são pensados para proporcionar esse cuidado com as pessoas e com o mundo. Portanto, optamos pelo paisagismo sensorial em todos os nossos empreendimentos.

Contudo, temos o cuidado de projetar o espaço, pensando em cada detalhe dos nossos jardins sensoriais: espécies, ambiente, iluminação, e na experiência que cada morador terá ao vivenciar um jardim por completo.

Esperamos que você tenha gostado deste conteúdo sobre jardins sensoriais! Quer saber como fazer uma horta em um apartamento? Clique aqui e confira o passo a passo.

Assista também ao vídeo completo sobre o assunto e saiba mais:

 

compartilhe este post
Saúde e bem-estar: projetos de espaços para sua casa
Dicas

Saúde e bem-estar: projetos de espaços para sua casa

Leia mais
Poluição sonora: a importância da acústica residencial
Dicas

Poluição sonora: a importância da acústica residencial

Leia mais
Jardins sensoriais: O encontro da paz e o verde
Decoração

Jardins sensoriais: O encontro da paz e o verde

Leia mais