O que você quer encontrar?

Saudabilidade: o que é e como é aplicada na construção de imóveis
11 de outubro de 2021Sustentabilidade

Saudabilidade: o que é e como é aplicada na construção de imóveis

compartilhe este post

Você sabe o que é saudabilidade? A saudabilidade é um conceito extremamente em alta nos dias atuais, tornando-se referência para quem quer ter uma melhor qualidade de vida. Dessa forma, o termo abrange muitos aspectos, como, por exemplo: a sua forma de viver, o local que você habita, como você se alimenta, dentre outras circunstâncias.

Porém, muitas pessoas ainda não sabem como a saudabilidade se aplica na construção de imóveis, e como ela atua diretamente no bem-estar dos moradores. Por isso, hoje vamos explicar todos os detalhes de uma construção saudável para você. Confira.

Saudabilidade: o que é uma construção saudável?

Uma construção saudável é um edifício planejado e estruturado para proporcionar bem-estar e saúde aos moradores. Dessa forma, é preciso atentar-se à diversos detalhes, como:

– A escolha do terreno;
– Localização;
– Arredores do projeto;
– Materiais a serem utilizados;
– Paisagismo;
– Qualidade do ar e da água;
– Acústica;
– Elétrica;
– Iluminação, dentre outros.

Contudo, seguindo esses parâmetros é possível construir um projeto único, atendendo às necessidades dos clientes de acordo com os conceitos da saudabilidade.

Quais são os materiais utilizados em uma construção saudável?

Nesse tipo de projeto é importante prezar por materiais atóxicos e evitar o uso de tintas com alto teor de COV (Compostos Orgânicos Voláteis). Além disso, para adicionar efetivamente a saudabilidade nas construções, é imprescindível contar com uma equipe que tenha conhecimento sobre materiais menos nocivos que não afetem a integridade do seu projeto e o resultado final.

Você já ouviu falar sobre a Síndrome do Edifício Enfermo?

Segundo pesquisa realizada pela OMS (Organização Mundial de Saúde) em 1982, foi identificado que pessoas estavam sendo diagnosticadas com doenças referentes ao edifício que viviam. Portanto, foi reconhecida pela organização a Síndrome do Edifício Enfermo, doença que está atrelada diretamente às características da construção.

Além disso, um exemplo mais direto dessa condição é a contaminação eletromagnética. Isto é, se a construção apresentar fios próximos à cabeceira da cama, isso afetará diretamente na qualidade do sono do indivíduo podendo causar, por exemplo insônia e irritabilidade. Logo, o projeto elétrico precisa observar tais detalhes para oferecer ainda mais qualidade de vida aos moradores.

O que o público procura em um edifício?

Atualmente, com a modificação e inovação do mercado imobiliário, a saudabilidade está sendo cada vez mais incorporada no setor por apresentar aumento em sua procura. Isso porque os moradores estão buscando por bem-estar, segurança e contato com o verde, em empreendimentos saudáveis mais afastados dos grandes centros.

E você, já conhecia os diferenciais de uma construção saudável? Esperamos que esse blog post tenha esclarecido suas dúvidas sobre o tema.

Para saber mais sobre assuntos como este, confira nosso blog: o que é um apartamento sustentável?

compartilhe este post
Saúde e bem-estar: projetos de espaços para sua casa
Dicas

Saúde e bem-estar: projetos de espaços para sua casa

Leia mais
Poluição sonora: a importância da acústica residencial
Dicas

Poluição sonora: a importância da acústica residencial

Leia mais
Jardins sensoriais: O encontro da paz e o verde
Decoração

Jardins sensoriais: O encontro da paz e o verde

Leia mais